Arquivo da tag: Trapalhões

Os Trapalhões e o politicamente correto

É fato que seria difícil os Trapalhões existirem hoje. Nem emissora, nem classificação indicativa, nem grupos que fiscalizam a qualidade da TV deixariam o programa em paz.

Ainda mais que apesar de ter começado mais voltado para adultos, foram as crianças que logo viraram seu principal público. O programa passava 19 horas de domingo, e era tudo, menos “educativo”. De fato, é bizarro pensar em um programa desses para crianças. Ao mesmo tempo, muitas vezes, os Trapalhões eram geniais!

O curioso é ver esquetes como esses dois abaixo…que se por um lado promovem “preconceitos” ao mesmo tempo os criticam…

As vezes acho que a assepsia do politicamente correto por um lado protege os preconceitos que se tornam “subterrâneos”, não ditos…mas ainda lá. Para mim a questão do enfrentamento de preconceitos tem sua luta no campo simbólico, mas muito mais no campo prático material (igualdade de condições entre homens e mulheres, regionais e entre negros e brancos, por exemplo).

 

Os Trapalhões e as mulheres

 

 

 

Os Trapalhões e os nordestinos

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em TV

Por uma TV Bêbada 5

O gênio e ícone da programação “educativa” da TV Bêbada até que demorou demais para aparecer por aqui. Mussum e Tião Macalé matando suco de cevadis em um esquete incrível dos Trapalhões. Puro improviso de bar. E pensar que isso era um prograna [ótimo, mas nada politicamente correto] para crianças…

E como Mussum em termos de TV Bêbada não é pouca coisa não, segue esse aqui no bar, com Mussum exigindo respeito ao ritmo e ao samba, com uma trilha sonora de fundo invocada.

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Dos trapalhões para o Ali Kamel

Este vídeo dos Trapalhões que passou na TV Globo em 1980 é a melhor “resposta” que eu já vi ao livro de Ali Kamel “Não somos racistas” de 2006.  No livro ele faz análises estatíscas para dizer que não existe discriminação racial sistemática na sociedade brasileira. Mais ou menos como as análises da fila do banheiro. Salve Mussum!

Vale aproveitar a carona e mandar esse aqui, do Mussum com os Originais do Samba no programa Ensaio, em 1972. Muita gente ainda não sabe que Mussum era um músico genial. Vale destacar, além dos Originais do Samba, incríveis, um dos seus discos solos chamado “Água Benta”, que é demais.

 

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized